Notas e Lançamentos

Para celebrar o Dia da Terra, comemorado em 22 de abril, a Carrier anunciou que sua sede mundial, o Centro de Edifícios Inteligentes da UTC, é o primeiro edifício comercial da Flórida a receber a certificação LEED®Platinum. A classificação, a mais alta designação – foi concedida por conta do rigoroso programa de construção ecológica versão 4 do Selo LEED® do Green BuildingCouncil® dos EUA. A Carrier, fornecedora líder global de tecnologias inovadoras de aquecimento, ventilação e ar condicionado (HVAC), refrigeração, incêndio, segurança e automação predial, é uma unidade da United Technologies Corp.

– Ganhar a certificação LEED® Platinum é uma conquista significativa, já que a sustentabilidade é um valor essencial de nossa organização e de nosso portfólio de produtos – disse o presidente da Carrier, Bob McDonough.

O primeiro edifício da Carrier foi projetado como um case real sobre o que é possível obter por meio da integração da tecnologia para aumentar a eficiência, proteger pessoas e propriedades e aprimorar a experiência dos ocupantes. Além de apoiar a certificação LEED Platinum, as inovações presentes nos produtos da Carrier também fornecem um modelo escalável e que pode ser reproduzido para outros projetos de construções verdes. Exemplos de integrações e soluções sustentáveis incluem:

· O sistema de gerenciamento predial pode usar dados de ocupação para auto-ajustar o fluxo de ar e as temperaturas dos sistemas de HVAC Carrier para conforto e eficiência ideais.

· Os chillers AquaEdge 23XRV da Carrier operam em uma configuração em série contrafluxo e são continuamente monitorados para garantir melhor desempenho, maior eficiência e identificação proativa de problemas.

Outro benefício gerado pela certificação LEED é a produtividade e o bem-estar dos funcionários que utilizam a construção. O Centro de Edifícios Inteligentes da UTC foi projetado para atender aos padrões COGfx – especificações de qualidade do ar interior definidas por pesquisadores da Universidade de Harvard para pontuar os testes de função cognitiva de ocupantes em comparação com um ambiente de construção convencional.