Notas e lançamentos

No primeiro semestre de 2021, a Danfoss, líder em fornecimento de tecnologias e soluções para setores como refrigeração, ar condicionado, aquecimento e automação industrial, entre outros, aumentou suas vendas para € 3,3 bilhões – um crescimento de 18% em moeda local. A multinacional dinamarquesa obteve um grande crescimento em todas as regiões, apesar de algumas partes do mundo ainda serem afetadas pela pandemia da COVID-19. A empresa deu continuidade a expressivos investimentos em inovação (P&D), representando 4,7% das vendas. Ao mesmo tempo, a Danfoss apresentou um aumento de 45% nos lucros operacionais com o EBITA de € 449 milhões, lucro operacional que superou o forte nível do primeiro semestre de 2019, antes da pandemia. O lucro líquido aumentou 74%, totalizando € 286 milhões.

“Estou muito orgulhoso de apresentar os melhores resultados em um semestre em toda a nossa história. Registramos lucratividade e fluxo de caixa em nível recorde. Em um momento em que os efeitos das mudanças climáticas estão aumentando, de acordo com o relatório de mudanças climáticas recentemente publicado do IPCC, a Danfoss está assumindo a liderança na transformação em direção a um futuro neutro em carbono. Nossa inovação e recursos dedicados a P&D e nossas soluções de eletrificação e eficiência energética prontas para uso estão permitindo a transição verde ”, disse Kim Fausing, presidente e CEO da Danfoss.

“Com esses resultados realmente positivos, estamos prontos para o segundo semestre. É muito bom fechar a aquisição da Eaton Hydraulics e dar as boas-vindas a nossos novos 10.000 colegas. Acabamos de começar nossa jornada juntos, duas equipes talentosas e altamente competentes unindo forças para se tornar um parceiro de tecnologia ainda mais forte para nossos clientes e distribuidores ”, complementa Fausing.

“Como outras empresas no mundo, vimos desafios em nossa cadeia de suprimentos devido a atrasos na logística, escassez de componentes eletrônicos e aumentos de preços de frete e matérias-primas. Em todos os nossos negócios, continuamos a fazer tudo o que podemos para atender nossos clientes e garantir o mínimo de impacto. Quero agradecer a todos os colaboradores da Danfoss pelo excelente trabalho em equipe e resiliência que demonstram ao enfrentar os desafios da pandemia. Estou muito orgulhoso de como continuamos a manter a saúde e a segurança em primeiro lugar para proteger nosso pessoal, comunidades e clientes, ao mesmo tempo em que asseguramos nossa estratégia de crescimento.”, finaliza o presidente e CEO da Danfoss.

Números-chave para o primeiro semestre de 2021
• As vendas aumentaram para € 3.265 milhões, 14% acima das vendas do 1º semestre de 2020, que foram da ordem de € 2.864 milhões. Isso corresponde a um crescimento de 18% em Coroas dinamarquesas (Moeda local da Dinamarca).
• O lucro operacional antes da amortização relacionada à aquisição (EBITA) aumentou 45%, para € 449 milhões (no primeiro semestre de 2020, esta cifra foi de € 309 milhões). A margem EBITA aumentou para 13,8%, enquanto o percentual nos primeiros seis meses do ano passado foi de 10,8%.
• O lucro líquido foi de € 286 milhões, diante de € 164 milhões auferidos no primeiro semestre de 2020. O aumento registrado na comparação entre os dois períodos foi de 74%.
• O fluxo de caixa das atividades operacionais antes de M&A aumentou para € 63 milhões. No primeiro semestre de 2020, esta cifra havia sido de € 33 milhões.
• Nos primeiros seis meses deste ano, os investimentos em inovação (P&D) atingiram um elevado nível de € 154 milhões, correspondendo a 4,7% das vendas. No mesmo período de 2020, estes números foram de € 130 milhões e 4,6%, respectivamente.

Panorama de 2021
• Sem contar a aquisição da Eaton Hydraulics, a Danfoss espera continuar a expandir ou manter sua participação no mercado, enquanto mantém ou melhora a lucratividade mensurada em relação ao nível de 2020, seguindo com investimentos contínuos no desenvolvimento de novos produtos e soluções.
• Levando em consideração as vendas adicionais antecipadas da Eaton Hydraulics após o fechamento da aquisição, a Danfoss espera um aumento significativo nas vendas do Grupo para o ano de 2021. A expectativa é de que a lucratividade seja impactada pela alocação do preço de compra, depreciação e amortização e custos de integração relacionados à fusão com Eaton Hydraulics. A aquisição foi financiada com dívidas e resultará em aumento das despesas financeiras.
• A Danfoss continua o trabalho para tornar sua sede de 250.000 m2 em Nordborg neutra em emissões de CO2 em 2021 usando eletricidade verde. O planejamento é de cobrir a demanda de aquecimento por meio de sistemas de energia distrital neutros em CO2. Isso será feito por meio da utilização de calor excedente de data centers e outras operações e instalando bombas de calor para cobrir a demanda de aquecimento restante, com aplicação de soluções da própria companhia.
• A Danfoss está comprometida em descarbonizar suas operações globais até 2030.