Revista ASBRAV – Artigo Técnico

A simulação de sistemas térmicos de refrigeração vem sendo utilizada a fim de reduzir o tempo e os custos de desenvolvimento de novos sistemas de ar-condicionado, além de permitir melhor compreensão do funcionamento dos parâmetros de seus componentes. No presente artigo, apresenta-se um modelo computacional desenvolvido no software EES (Engineering Equation Solver), onde um sistema de condicionador de ar utilizando o refrigerante R-410A foi mo-delado com seus principais componentes. Testou-se a influência do diâmetro e do comprimento da linha de sucção do compressor no desempenho do equipamento, considerando-se como referência uma tubulação de cobre de 3/8 in e 7,5 m de comprimento. Para realização da análise, simulou-se também para os comprimentos de 2 e 15 m e para o diâmetro de 5/16 in. Para o diâmetro de 3/8 in, houve um aumento de 2,29% no COP para o comprimento de 2m e uma diminuição de 1,83% para o comprimento de 15 m em relação ao resultado de referência. Reduzindo-se o diâmetro da tubulação, o COP diminuiu em até 14,53% para o comprimento de 15 m. Tratando-se da capacidade frigorífica, para tubulação com 3/8 in de diâmetro, houve um aumento de 2,53% para 2 m de comprimento e diminui-se 1,81% para 15 m de comprimento em relação ao resultado obtido para 7,5 m. A tubulação com 5/16 in de diâmetro apresentou resulta-dos inferiores em relação ao diâmetro de referência, tendo-se um aumento de 0,63% para 2 m e uma diminuição de 5,45% para 7,5 m e de 17,32% para 15 m.

Autores:

Stefanie Bator – sbator@hotmail.com

Paulo Roberto Wander – prwander@unisinos.br

Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica, http://www.unisinos.br.

Confira aqui o artigo em sua íntegra