Evento na ASBRAV, em Porto Alegre, trouxe o especialista Fabio Inocencio para abordar as vantagens que esta ação propicia

Como soluções extremamente simples ajudam a controlar a umidade de um modo efetivo, proporcionando uma ação preventiva no controle de contaminantes e redução do custo de manutenção. Este foi o tema central do workshop “Tecnologia de climatização, controle de contaminação e eficiência energética”, realizado na quinta-feira (02/07), na sede da Associação Sul Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Aquecimento e Ventilação (ASBRAV), em Porto Alegre. Realizado em parceria com a empresa Bry-Air Brasil, o evento teve como palestrante o diretor comercial da companhia, Fabio Inocencio, profissional com quase 30 anos de atuação na promoção de soluções tanto para processos Industriais, refrigeração e conforto humano.

Profissionais de engenharia, projeto, inovação, sustentabilidade e eficiência energética de diversos empreendimentos acompanharam o workshop, onde Inocencio apresentou alternativas tecnológicas que permitam otimizar tanto novos projetos como instalações existentes focando em uma nova forma de analisar os sistemas de climatização como um todo. O especialista falou como as empresas estão trabalhando em processos focados em controle de umidade e sua interferência na saúde, conforto e eficiência de sistemas de climatização.

Fabio Inocencio destacou os benefícios do controle efetivo da umidade nos sistemas de climatização, como a prevenção do surgimento de contaminantes, a desconexão do controle de temperatura e umidade, a redução do custo de manutenção e, ainda, a economia de energia.

– Hoje é possível ver uma forma diferenciada de se operar a climatização de casas, prédios residenciais e comerciais e grandes empreendimentos industriais, com redução de consumo energético e sustentabilidade. O controle da umidade nos sistemas de climatização contribui, efetivamente, na economia do custo com energia e possibilita maior conforto térmico e conforto para todos os espaços abrangidos – falou Inocencio.

Para o especialista, o ar-condicionado não faz mal, desde que o aparelho não seja usado em excesso e esteja nas condições ideais de limpeza, com uma boa qualidade de ar circulante. A falta de limpeza e de manutenção correta e constante do sistema de climatização não apenas diminui a renovação do ar, mas provoca um acúmulo de sujeira. Além disso, durante o processo de refrigeração ocorre a condensação de água, que, líquida, acaba por se acumular no interior da máquina, favorecendo o surgimento de muitos fungos e bactérias. Esses dois fatores costumam responder pelo agravamento dos quadros de moléstias respiratórias como asma, rinite, sinusite e doença pulmonar obstrutiva crônica.

Dicas como o ajuste correto da temperatura, renovação do ar, bom posicionamento e limpeza frequente do aparelho são essenciais para garantir um ambiente termicamente agradável, saudável e econômico.

– Na questão de desumificação e redução de custo energético, a Bry-Air não comercializa produtos e sim, soluções – afimou Fabio Inocencio.

A Bry-Air possui desumidificadores preparados para atender todos os tipos de indústrias e aplicações, sendo altamente customizáveis, podendo ser utilizados em todos os sistemas de climatização, ajudando no controle da umidade, redução energética e na prevenção de problemas respiratórios e bacteriológicos.