Variação do clima interfere de forma significativa nas vendas e é tida como oportunidade para aumentar vendas.

O segmento de climatização pode ter no clima um grande aliado para impulsionar as vendas na virada do ano e início de 2016. A expectativa da ASBRAV – Associação Sul Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Aquecimento e Ventilação é que com altas temperaturas, o setor compense a diminuição nas vendas causadas pela recessão econômica do país.
– O ramo de ar condicionado tem o calor como termômetro e, a partir dessa constatação, o segmento tem expectativa de uma temporada boa. Se o verão for muito quente, não tem crise que segure as vendas. O calor é o medidor dos negócios – afirma o gerente da Frigelar, associada da ASBRAV, André Mello.
Se as vendas forem elevadas, há uma expectativa de que seja possível atingir os mesmos patamares de vendas do ano passado, mesmo com o cenário econômico pior. Em função da recessão, diminuiu 34% as vendas na comparação com o mesmo período do ano passado. Para amenizar esse resultado, as lojas investem em ações de marketing e vendas. O cálculo é que as vendas podem até aumentar em 50% quando os termômetros ultrapassam 36 graus. As empresas contam com estoques e não há temor de falta de equipamentos.
Em relação aos produtos, o grande destaque tem sido o modelo VRF, ou multisplit.
– O ar condicionado sempre foi o mesmo, mas o que muda é a tecnologia que vem sendo cada vez mais sofisticada. O sistema “Inverter” torna o equipamento até 60% mais econômico, comparado com o sistema tradicional de ar condicionado. Então, não tem como fugir do calor, mas por causa da elevação das tarifas de energia, as pessoas estão levando muito isso em consideração e buscando equipamentos mais econômicos – completou André.
O e-commerce também é uma das apostas do setor para ampliar as vendas de equipamentos.
Uma orientação para os consumidores é pedir sempre uma orientação de BTUs adequado. É indispensável a busca de uma empresa especializada que possa fazer o correto dimensionamento, oferecendo o equipamento certo gerando economia e eficiência.