Localizado em Capivari, no interior de São Paulo, o frigorífico Frigodeliss, pertencente ao Grupo Bressiani, ampliou seu complexo com o objetivo de triplicar a capacidade de abate e processo dos cortes suínos, além de iniciar a fabricação de embutidos e cortes temperados. Para atender à nova demanda, foi necessário expandir as câmaras de resfriamento de carcaça, os túneis de congelamento e as câmaras de estocagem de congelados, além da climatização dos ambientes de processo.

O sistema trabalha em dois regimes de compressão -42/-10°C e -10/+35°C, com condensadores evaporativos. Para isso, foram usados cinco compressores tipo parafuso, marca MYCOM, com potências variando entre 125cv e 200cv. “Com o uso da amônia, esperamos obter um consumo de energia até 30% menor em relação a outros refrigerantes, mesmo triplicando a capacidade de abate e processo”, destaca Fábio Bressiani, diretor administrativo da Frigodeliss.