Profissionais atuam na elaboração e execução de projetos de refrigeração, ar condicionado, aquecimento e ventilação

A importância do engenheiro está presente no dia a dia mesmo que não se perceba. O profissional possui um papel fundamental para a qualificação do mercado, desde a sua habilitação e qualificação para a elaboração de projetos, planejar, fiscalizar e dirigir serviços de instalações e manutenções. O dia 11 de dezembro é voltado a celebração a todos os engenheiros e no segmento de HVAC, eles cumprem também um importante trabalho.
O engenheiro e diretor da Associação Sul Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Aquecimento e Ventilação (ASBRAV), Ricardo Vaz ressalta que esse profissional deve estar atualizado a respeito das novas tecnologias e serviços, sendo, portanto, o vetor de distribuição deste conhecimento ao mercado.
– Produção técnica especializada, ensino, pesquisa, experimentação e ensaios são algumas das funções que um engenheiro pode praticar – conta Vaz.
Um ar condicionado não é somente instalado, e sim precisa ser estudado, planejado e bem executado. Vaz revela que a importância de ter um engenheiro no planejamento e execução é grande.
– As aquisições de sistemas de climatização devem ser acompanhadas por um engenheiro, cuja responsabilidade é identificar qual solução melhor se adapta às expectativas do cliente – afirma.
Antes da instalação deve haver a identificação desta solução por diversas questões, desde as legais, técnicas, ambientais e econômicas, esta etapa faz parte do planejamento.