Garantia do aparelho com relação à variação elétrica é de apenas 10%

Os frequentes temporais que têm atingido o Rio Grande do Sul no último mês trouxeram graves consequências para a população, entre elas, prejuízos causados pelas quedas de luz. Sensíveis às vibrações de voltagem, os equipamentos de ar condicionado podem ter seu compressor e motor elétrico comprometidos, de acordo com o diretor técnico da ASBRAV – Associação Sul Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Aquecimento e Ventilação, Ricardo Albert.

– A garantia máxima de variação de energia do equipamento é de 10%. Por isso, a mesma orientação sobre os eletrodomésticos vale para eles. Se faltou luz, desligue o equipamento no disjuntor e aguarde o equilíbrio da rede elétrica – explica Albert.

O diretor técnico da ASBRAV reforça que embora todos os aparelhos tenham dispositivos de proteção à queda de energia, em situações em que o desligamento é muito rápido, eles não funcionam. Da mesma forma, quando o painel do ar condicionado está com um sinal piscante, significa que esta proteção foi desarmada.

Em caso de grandes estabelecimentos, os responsáveis devem procurar pelo suporte do fabricante ou técnico instalador.